Apoiando o maio projeto de videomonitoramento em segurança pública no Brasil

Utilizando a plataforma integradora de missão crítica da Hexagon, a SSP-BA monitora dezenas de cidades por meio de aproximadamente 4,000 pontos de imagem e mais de 900 dispositivos de reconhecimento facial.

O desafio

Inaugurado em 2016, o Centro de Operações e Inteligência (COI) da Bahia, subordinado à Secreetaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), integra a Polícia Military, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros e Polícia Técnico-científica, bem como outros agentes municipais e federais. Ao todo, aproximadamente 560 profissionais trabalham no centro e mais de 6.000 agentes de campo atendem uma população de aproximadamente 4 milhões de habitantes.

Visando melhorar a segurança pública na Bahia, a SSP-BA por meio da Superintendência de Gestão Tecnológica e Organizacional (SGTO) investiu na implementação de um projeto de videomonitoramento denominado ‘Vídeo Polícia’, o qual foi considerado o maior projeto tecnológico de segurança pública do País.




A solução

Durante um projeto piloto na Micareta de Feira de Santana, na Bahia, dispositivos de reconhecimento facial e de placas veiculares criavam alarmes no HxGN OnCall Security | Guardian, a solução de gerenciamento de informações de segurança física da Hexagon, a qual notificada automaticamente os despachadores e enviava todas as informações para os agentes mais próximos do local, contribuindo para a prisão de aproximadamente 33 foragidos da Justiça.

Com base nos resultados alcançados durante o projeto piloto, a SSP-BA implementou um processo licitatório para expandir o projeto para outros 78 municípios no estado, para o qual o HxGN OnCall Dispatch e o HxGN OnCall Security | Guardian foram selecionados para atendimento à cidade de Salvador e todos os municípios da região metropolitana. Em 40 dias de preparação para o Carnaval de 2023, o sistema CAD da Hexagon recebeu aproximadamente 20.000 chamadas, e mais de 37.500 ocorrências foram criadas. Durante o evento, 79 foragidos foram presos, além da redução de 49% de casos de lesão corporal, e 13% de crimes de ódio, furtos e roubos, quando comparados ao último evento em 2020, antes da pandemia.



“Com o sistema implementado, um policial vale por dez.”
Coronel PM Marcos Oliveira
Superintendente de Gestão Tecnológica e Organizacional
Centro de Operações e Inteligência do Estado da Bahia

Saiba mais

Baixe o estudo de caso completo ou fale sobre essa solução com um especialista

Conteúdos relacionados

Qual é sua visão em relação à Segurança Pública?

Acelerar a modernização da tecnologia legada e cumprir as metas de transformação digital com o parceiro certo.

HxGN OnCall Security | Guardian

O OnCall Guardian integra dados de alarmes, sensores, sistemas de intrusão e videomonitoramento, e dispositivos de IoT para gerenciamento e respostas a incidentes.